dieta para secar 17 dias


Dor no ciático uma das dores que atinge cerca de 6% da população. Se você também sofre com este problema, chegou ao lugar certo.
Aqui, você vai descobrir as causas, sintomas e a forma correta de tratamento. 


Dor no ciático o que é?
Primeiramente é importante dizer que o nervo ciático é o nervo mais longo do corpo humano. Este nervo começa pela lombar, passa pela região do bumbum e pela parte posterior da coxa, vai até a perna e chega até o pé.
Quando a dor ataca, pode atingir qualquer uma dessas partes por onde o nervo percorre.
Normalmente, é uma dor persistente, intensa que pode chegar a uma sensação de dormência, agulhadas e até mesmo fraqueza muscular.
Ele é quem coordena o movimento dos músculos, ou seja, sem ele funcionando bem até mesmo um simples gesto de agachar fica completamente impossível.
Mas afinal, quais são as causas da dor no ciático? É o que vamos explicar a partir de agora. 

Dor no ciático: Causas

A primeira coisa que se deve saber em relação as causas da dor no ciático é que uma dor causada pela inflamação do nervo, que tem um “agente agressor”, atacando o nervo e desencadeando vário sintomas.
As causas dessa inflamação e consequentemente da dor podem ser várias como:
Trauma

Uma queda ou contusão praticando atividade física é uma das principais causas de dor no ciático.
Má postura

Você é do tipo que presta atenção em sua postura? Se não, é hora de literalmente mudar a postura.
Isso porque a má postura é uma das causas mais comuns de dor no ciático. É para lá de rotineiro sem percebemos  passarmos horas sentados à frente do computador. Isso acaba levando a sobrecarga e desgaste no nervo.
Hérnia de disco

A Hérnia de disco é um problema da coluna vertebral que leva a compressão dos nervos, o que por sua vez leva a dor, fraqueza e até chega à perda de sensibilidade de um dos membros.
Estenose espinhal

A estenose é causada pelo estreitamento do canal da espinha. Esse estreitamento ocorre devido ao envelhecimento natural.
No entanto, o maior prejuízo dessa mudança da abertura entre os ossos da coluna vertebral é a compressão do nervo, levando dor.

Dor no ciático X Esporte

A atividade física é sem dúvida, uma porta aberta para micro lesões musculares e consequentemente no nervo. O que pode evoluir para um quadro inflamatório agudo.
Por outro lado, sabemos da importância de uma intensidade maior de exercício até chegar à fadiga muscular.
No entanto, se não houver a combinação da intensidade correta e execução correta dos movimentos, o resultado é dor no ciático e você não conseguirá atingir seus objetivos para o ganho de massa muscular.
Por isso, antes de se jogar na atividade física, busque orientação profissional a fim de prevenir qualquer problema muscular que possa te impedir de chegar aos seus objetivos.
Sintomas:

Os sintomas clássicos da dor são:
·         Dor intensa;
·         Dificuldade em ficar com a postura correta;
·         Dor ao Andar;
·         Formigamento;
·         Dormência na região do bumbum ou na planta do pé.
Quando os sintomas aparecem o melhor tratamento é buscar um ortopedista ou fisioterapeuta.
Tratamento


1.    Remédios

O tipo de medicação a ser recomendada irá depender da avaliação de cada caso. No geral, as medicações recomendadas são paracetamol e ibuprofeno.
Em casos de maior inflamação receita-se remédios mais fortes como o Tramadol, combinado a um relaxante muscular.
Há ainda a opção natural de combater a dor, como o uso de vitaminas do complexo B, que atua de forma eficiente na manutenção e recuperação da saúde dos nervos do corpo.

2.    Massagem

Uma massagem feita por fisioterapeuta ou massagista é uma ótima opção para superar a dor.
Isso irá fazer os músculos das costas, pernas e glúteos relaxarem. O que irá diminuir a compressão do nervo.

3.    Exercícios 

Com o quadro de dor, nem o exercício prolongado e nem a falta dele é saudável.
O ideal é encontrar o meio termo, optando por exercícios mais leves. Comece pelos alongamentos.
Quando a intensidade da dor diminui, normalmente, o fisioterapeuta entra com exercícios de fortalecimento muscular como pilates, que fortalece o abdômen e a coluna.

4.    Fisioterapia

Como dissemos aqui, a melhor opção para iniciar o tratamento é buscar o fisioterapeuta e ortopedista.
As sessões de fisioterapia irão:
·         Reduzir a inflamação;
·         Promover o fortalecimento muscular;
·         Melhorar a irrigação sanguínea do próprio nervo e normalizar o tônus dos músculos do glúteo e perna.
·         Melhorar a postura, que é uma das causas da dor no nervo com exercícios de RPG.
Os alongamentos também são essenciais para aliviar a compressão do nervo. 

5.    Alimentação

A alimentação é parte essencial do tratamento da dor. Isso porque através dela você pode escolher alimentos anti-inflamatórios e reduzir a inflamação.
Algumas dessas opções são:
·         Salmão;
·         Alho;
·         Cebola;
·         Linhaça;
·         Chia;
·         Gergelim.
Evite alimentos como os alimentos altamente processados como salsicha, linguiça e bacon. Ter uma alimentação o mais natural possível irá servir como aliada do tratamento.

Tratamentos alternativos

A combinação do tratamento médico, com alimentação correta e os tratamentos alternativos pode trazer resultados surpreendentes para o tratamento da dor.
Alguns desses tratamentos são:
·         Reflexologia;
·         Acupuntura;
·         Osteopatia.


Conclusão
Como você pode ver, a dor no ciático tem solução. O importante é ficar atento aos sinais do corpo, e buscar ajuda médica o quanto antes para melhores resultados no tratamento.
Além disso, é essencial que mude hábitos para que o seu corpo responda bem ao tratamento e você possa ganhar qualidade de vida.
E então, nos conte, você sofre ou já sofreu com este tipo de dor?
Qual foi a forma de tratamento escolhida por você?
Aproveite este espaço e compartilhe conosco. Queremos fazer parte do seu dia-a-dia para melhora-lo cada vez mais!
Até a próxima.





Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem